Fitness

I Know This Much Is True

Antes de começar: Foi muito bem coerente a escolha da HBO não traduzir este título, pois “Eu sei que isso é verdade” não iria ficar nem um pouco bonito. É a mesmo caso de “Game Of Thrones” ou “His Dark Materials”, ambas produções do canal.

Obras literárias são escolhidas a dedo por grandes produtoras a fim de serem adaptadas, essa não é uma ideia nem um pouco inovadora. É lógico e simples: Se algo deu muito certo nos livros ou Games, por que não adaptá-las. Grandes produtoras sempre fizeram isso e a HBO não fica para trás. O problema é: Até que ponto uma obra literária dá certo nas telas? Talvez a escolha de “I Know This Much Is True” não tenha sido tão assertiva.

Mark Ruffalo dá tudo de si, vemos isso claramente em tela, a forma como sua dupla interpretação nos é apresentada é surpreendente mostrando um lado dramático pra lá de diferente do “Hulk” ou do mocinho de “De Repente 30”. Sua chance de mostra todo seu potencial dramático não foi desperdiçada. As duas duplas de gêmeos das versões mais novas dos protagonistas também não ficam para trás. É incrível a caraterização e interpretação deles, principalmente do elenco mirim.

Mas esta trama nos fornece dois erros fatais: O primeiro encontra-se na divisão de tela entre os dois irmãos. Vemos pouquíssimo Thomas e muito de Dominick. E isso notoriamente ocorre pois é mais “complexo” em termos de edição juntar o mesmo ator na mesma cena numa série. Tal economia incomoda bastante, o primeiro episódio nos promete grandes diálogos e cenas com aquele mesmo ator “duplicado” em dois personagens, entretanto a série promete e não cumpre.

E o último problema está na entrega trágica em que a trama nos envolve. Toda linha narrativa, por mais triste que seja, deve entregar ao público algum suspiro de esperança, mesmo nas mais densas histórias. A série não tem isso, em nenhum de seus episódios vê-se um alívio dramático, algo que faça o telespectador sentir algo bom, é tudo muito sombrio e tenso, sempre. O final trágico torna-se bastante previsível, afinal, existe alegria nesse mundo? Quando essas escolhas são feitas o drama transforma-se em algo meramente depressivo, e até isso foge da realidade pois a vida é feita de momentos bons e ruins, pontos altos e baixo, seja rico ou pobre. “I Know This Much Is True” não foi bonito de ser contado, muito menos nos dias tensos em que vivemos.

Joinhas:

2

Por:

@eduardomontarroyos

.0 / 5.0

2 Lados Online © 2014-2020. Created by Rafael Carvalho